Fernando Tavares

Fernando Tavares

terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Transcrição do Mês - Tower Of Power - You Got To Funkifize


Olá pessoal!

Neste mês temos a transcrição completa da linha de baixo da canção You Got To Funkifize da banda Tower of Power.
Esta canção escrita por Emilio Castillo e Stephen Kupka foi lançada no álbum Bump City de 1972 e conta com o genial Francis "Rocco" Prestia no contrabaixo.
A música está na tonalidade de Ré menor e o groove principal dela é apresentado logo no primeiro compasso, perceba que esta é uma pequena variação do groove que ocorre durante a maior parte do tempo que é apresentado no compasso 3, sendo que este trecho também representa o refrão da música. Ele é repetido por 7 vezes neste compasso e retorna no compasso 16. O groove foi criado utilizando a fundamental, a oitava, a sétima e o cromatismo para voltar a fundamental sobre o acorde de Dm7, esta ideia é repetida também na base da voz até o compasso 7, no qual ele faz uma aproximação cromática para nota Sol que é a fundamental do próximo acorde (G7), perceba que o groove criado para este acorde é o mesmo que o baixista pensou para o Dm, obviamente sendo transposto para as notas deste novo acorde. No compasso 10 o baixista volta ao primeiro groove e no compasso 12 temos uma frase muito bacana feita sobre o acorde de E7, perceba que o baixista utiliza a #9 e a #5 dos acordes, mas decidi escrever a nota enarmônica para não causar confusão, pois é mais fácil ler G do que Fx (Fá dobrado sustenido) e C do que a nota B# que seriam as notas adequadas aos intervalos descritos. Depois o baixista utiliza os intervalos de 3 e 4 para fechar este compasso. No compasso 13 temos uma aproximação cromática para a fundamental, no 14 repetimos a ideia do 12 e por fim o trecho termina com a tétrade de D7.
À partir do compasso 25 se inicia o trecho mais complexo da música que é a ponte e as bases dos solos. A ponte é feita utilizando dois acordes (C7 e F7), sendo que a frase utiliza a fundamental a quinta e aproximações cromáticas com o destaque do trecho sendo a parte rítmica, na qual o baixista utiliza variações da semicolcheia combinadas com colcheia e pausas. No compasso 30 o groove é repetido um tom a frente (acordes de D7 e G7). No compasso 43 se inicia o solo da música que é construído utilizando basicamente a fundamental dos acordes, aproximações cromáticas e a quinta e sétima. A partir do compasso 55 temos o trecho mais complexo da música, nele são utilizadas aproximações cromáticas para a fundamental, a quinta e oitava, o problema está na parte técnica que exige uma precisão e uma velocidade grande na combinação de ambas as mãos no fraseado.


Tower of Power - You Got To Funkifize

Esta é uma daquelas músicas que deveriam ser obrigatórias no repertório de qualquer baixista, pois ela trabalha muitos elementos necessários para o desenvolvimento de um grande músico como a parte rítmica, a técnica de mão direita precisa, a velocidade na mão esquerda e muito suigue.
Abraços e até a próxima coluna!


Nenhum comentário: