Fernando Tavares

Fernando Tavares

terça-feira, 27 de abril de 2021

Transcrição Exclusiva para Alunos - Iron Maiden - Powerslave

 

Olá Pessoal!


Nesta semana temos a transcrição da linha de baixo da música "Powerslave" da banda Iron Maiden com o sensacional baixista Steve Harris disponível para os alunos do meu curso de contrabaixo presencial e on-line.

Esta transcrição faz parte de um acervo com mais de 1000 linhas de baixo disponíveis como material de apoio para as minhas aulas de contrabaixo presencial e on-line.

Para maiores informações sobre o curso entre em contato pelo e-mail: femtavares@gmail.com

Abraços e até a próxima matéria!

domingo, 25 de abril de 2021

Os Baixistas de Frank Zappa - Parte 2



Olá pessoal!

Nesta semana damos sequencia a matéria dos baixistas que tocaram com Frank Zappa, para quem não leu a primeira coluna, aqui esta o link dela:
http://www.femtavares.com.br/2011/10/os-baixistas-de-frank-zappa-parte-1.html

Parte 2


A segunda parte da coluna sobre os baixistas de Frank Zappa abrange os anos de 1972 a 1975.
Desta fase os exemplos foram extraídos basicamente de três discos, que eu particularmente considero os mais influentes e importantes desta fase.
Os discos são:
-Apostrophe’
-One Size Fits All
-Roxy & Elsewhere

Exemplo 1


O primeiro exemplo é extraído da música “Don’t Eat The Yellow Snow” e é referente à base principal da música. A frase foi construída sobre a fórmula de compasso 7/4, e Tom Fowler utilizou a Pentatônica de Ré Maior.
No quinto compasso se inicia a linha de baixo sobre a qual Frank Zappa canta. Esta base segue a mesma fórmula de compasso, mas o baixista utiliza a fundamental e uma aproximação cromática de duas notas para construir a frase. O andamento é 138 bpm.


Exemplo 2


No segundo exemplo temos a base de voz da música “St. Alphonzo’s Pancake Breakfast”, este trecho foi construído utilizando a escala e Dó Mixolídio com a "blue note" na segunda aumentada. 
Este trecho está em um andamento rápido e a digitação da frase é complexa com alguns saltos. Para aqueles que querem conhecer mais a fundo as estruturas melódicas que Zappa construía, esta é uma ótima música para se estudar.


Exemplo 3


Este exemplo corresponde à base do solo e teclado de George Duke. A fórmula de compasso é 7/16 e foi utilizada a escala de Lá bemol Lídio sobre o acorde de Ab e a escala de Sol menor sobre o acorde de Gm.


Exemplo 4


Esta música é instrumental e nela Zappa utiliza diversas fórmulas de compasso, esta é outra ótima música para estudar o estilo de Frank Zappa. O trecho escolhido para se estudar é a parte posterior à introdução, neste trecho as frases são feitas com os outros instrumentos sobre a escala de Mi maior, a partir do quinto compasso do exemplo é utilizada a fórmula de 11/16.


Esta é a segunda parte da Bass Clinic sobre os baixistas de Frank Zappa, ela corresponde à fase entre os anos de 1972 e 1975. Os dois primeiros exemplos estão presentes no álbum “Apostrophe’”, o terceiro está no álbum “One Size Fits All” e o quarto no álbum “Roxy & Elsewhere”, seria injustiça não aconselhá-los a adquirir além destes três álbuns o disco “Over-nite Sensation”, que foi gravado quase que simultaneamente a estes. 
Pessoalmente considero o álbum “One Size Fits All” juntamente com o “Hot Rats” como as obras primas deste genial compositor.

Segue abaixo os links dos álbuns no Spotify:

-Apostrophe’

-One Size Fits All

-Roxy & Elsewhere

Abraços e até a próxima coluna!

sábado, 24 de abril de 2021

Artigos & Resenhas - Compacto Simples "Trilha" / Cosmo Drah - Por Luiz Domingues

 

Olá pessoal! 


Estamos de volta com mais uma coluna Artigos e Resenhas aqui no nosso site. Dessa vez o sensacional Luiz Domingues nos fala sobre o compacto "Trilha" da banda Cosmo Drah. 


A matéria original pode ser encontrada neste link.


http://luiz-domingues.blogspot.com/2019/05/compacto-simples-trilha-cosmo-drah-por.html


Lembrando que o nosso amigo possui três blogs diferentes que estão nos links abaixo.

http://luiz-domingues.blogspot.com.br/

http://blogdoluizdomingues2.blogspot.com.br/

http://luizdomingues3.blogspot.com.br/


Um breve release do Luiz feito pelo próprio:


Sou músico e escrevo matérias para diversos Blogs. Aqui neste Blog particular, reúno minha produção geral e divulgo minhas atividades musicais. Como músico, iniciei minha carreira em 1976, tendo tocado em diversas bandas. Atualmente, estou atuando com Os Kurandeiros.


Sem mais, vamos ao texto do Luiz:


Compacto Simples "Trilha" / Cosmo Drah - Por Luiz Domingues


O Cosmo Drah é uma banda vigorosa e obstinada em sua busca incessante para obter as melhores vibrações do Rock produzido em seu período de ouro, ou seja, o dito “Late 60’s/Early  70’s. 

Nesses termos, é bom que fique bem claro, para adotar tal predisposição artística, não basta apreciar tal estética. deixar o cabelo crescer e procurar figurino de época pelos brechós da cidade, tão somente, para que tudo saia dentro do esperado.

E nem mesmo saber tocar e cantar bem (esta, por sinal, é uma condição sine qua non para poder executar tal tarefa a contento), mas sobretudo, para quem aventura-se nessa determinação em soar dessa forma, é necessário ater-se em outros detalhes inerentes, tão vitais quanto, e acima de tudo, precisa capturar a essência dessas “boas vibrações” e isso não aprende-se em escolas, por tratar-se de uma capacidade anímica, que depende exclusivamente em estar sintonizado no ponto exato onde essa conexão possa ser estabelecida, ou melhor, restabelecida. 

Pois o Cosmo Drah tem essa capacidade, certamente e a cada trabalho que esse grupo lança no mercado, reafirma-se tal expressividade com adendos, pois além de tudo, trata-se de uma banda que apresenta um nível técnico e artístico, muito grande. 

O Cosmo Drah em ação ao vivo, no palco do Sesc Belenzinho em São Paulo, no ano de 2019, por ocasião do show de lançamento do seu novo compacto. Foto: Isabella Piantra

Eis que após o seu excelente CD inicial, homônimo, lançado em 2015, a banda apresenta mais duas canções inéditas e lançadas, sim, em formato de um compacto de vinil de 7 polegadas, nada mais vintage, portanto. 

Nesse compacto simples, denominado: “Trilha”, as músicas apresentadas são: ”Pense” (Contracorrente) e “Trilha”. Trata-se de dois exemplos clássicos de Hard-Rock, bem do início dos anos setenta, com grande desenvoltura instrumental e vocal em ambos os casos, e também a conter arranjos muito bem engendrados. Gostei muito da performance da banda, e da felicidade pelos timbres observados, um ponto de honra para quem envolve-se com sonoridade vintage, é bom frisar. E não obstante os membros da banda serem meticulosos nesse sentido e ostentar grande conhecimento técnico sobre áudio (os irmãos Amorim, por exemplo, mantém uma prestigiada oficina de Luthieria para instrumentos e consertos de amplificadores e acessórios em geral, na zona sul de São Paulo), o fato foi que obtiveram o apoio decisivo de dois técnicos de som que também são bons músicos, professam dos mesmos valores musicais e ambos, são detentores de avantajados conhecimentos técnicos, casos de Lennon Fernandes (captura e mixagem) e Renato Coppoli (masterização), portanto, o áudio com tal sonoridade ficou garantido neste trabalho. 


Sobre a capa principal, nota-se uma belíssima ilustração, assinada por Camila Kury. Trata-se de um pequeno caminho construído em pedras, cercado por uma vegetação exuberante e certamente a sugerir a ideia da “trilha” defendida pela banda. Gostei muito da opção da artista ao ter usado conceito do preto & branco, pois a despeito da cor ser a opção lógica e na suposição de que igualmente teria ficado lindo, pela certeza da representação lisérgica iminente, ao usar o conceito PB, a artista visual, trabalhou com as matizes sutis a envolver o prata e o grafite, além de ter observado com criatividade o uso de luz e sombra. 



Na contracapa, existe uma bonita estilização do logotipo da banda, a envolver as fotos individuais dos seus componentes e uma ficha técnica sobre a produção do álbum, sucinta. O projeto gráfico ficou a cargo do genial artista plástico, Diogo Oliveira 


Sobre as faixas, tenho a observar mais alguns detalhes. Ouça a canção: “Pense” (contracorrente), enquanto lê o que tenho a dizer sobre ela. 



“Pense” (contracorrente) 


Gostei muito da levada inicial em um bem usado compasso sob fórmula 6/8, onde a pontuação rítmica dos três instrumentos primordiais, baixo, guitarra e bateria, mostrou-se extremamente bem encaixada. A aproveitar tal sutileza no arranjo, realçou-se os timbres respectivos dos instrumentos ao revelar-se excelentes, um adendo positivo a mais, portanto. 

Há uma parte B mais acelerada e que encontra-se alojada sob o clássico compasso em 4/4, o que garantiu um diferencial. Contém uma melodia dura, bem no padrão do Hard-Rock setentista, todavia, mostra-se muito boa e a observação dos backing vocals, muito oportuna. 

Sobre a letra, escrita pelo vocalista, Rubem Yanelli, em parceria com o baterista, Renato Amorim, o mote é em tom crítico, a abordar a dispersão das pessoas em meio a uma sociedade que massifica, mastiga e cospe as pessoas, a negar-lhes o direito a pensar e agir por si mesmas. Há um solo excelente de Anderson Ziemmer, gostei bastante do uso do Wah-wah.



"Trilha"


Muito bom o riff primordial, a dar início à canção. Gosto da desdobrada que só realçou a beleza da linha melódica, abrilhantada pelo bom uso da segunda voz, em harmonia. 

Adorei o fraseado da parte C, como ponte a abrir caminho para o solo (ótimo). Como não deixar de elogiar a parcimônia usada no tocante ao reverber geral? Uma gravação seca, sem aquela pasta indecente que conspurca o áudio, em contraponto ao que acostumou-se a chamar-se: “padrão Pop”, ou para deixar bem claro, o Cosmo Drah não busca esse caminho e... ainda bem! 

Palmas para a banda e para os técnicos, Lennon Fernandes e Renato Coppoli, por tal decisão sábia.


De costas, o técnico e multi músico, Lennon Fernandes, a trabalhar no Docestúdio, na produção do compacto "Trilha", do Cosmo Drah


Técnico de gravação (captura) e mixagem : Lennon Fernandes (Docestúdio)

Técnico de masterização: Renato Coppoli (Áudio Freaks!)

Capa (ilustração): Camila Kury

Projeto gráfico e logotipo: Diogo Oliveira

Selos: Melômano Discos e Parafuseta Records


Formação do Cosmo Drah:

Elton Amorim: Baixo

Ruben Yannelli: Vocal e guitarra

Anderson Ziemmer: Guitarra; voz e percussão

Renato Amorim: Bateria e percussão 


Músico convidado:

Fabrício Arcanjo Pejome: Backing Vocals em “Trilha”


Sobre o Cosmo Drah, a minha recomendação é automática, ao dispensar maiores elucubrações. Trata-se de uma banda excelente, honesta em seus princípios, perseverante e formada por pessoas da melhor qualidade, portanto, tem a minha admiração.


Para conhecer melhor o trabalho do Cosmo Drah, acesse o seu 

Canal do You Tube: 

https://www.youtube.com/channel/UCQV9OvrbJnNDSLeg1nvfguw 


Página do Cosmo Drah no Facebook: 

https://www.facebook.com/cosmodrah/ 


Contato direto com a banda:

cosmodrah@gmail.com 


Os álbuns da banda estão disponíveis em plataformas digitais tais como: bandcamp; onerpm e outras.

É isso aí!
Grande abraço e até a próxima.

terça-feira, 20 de abril de 2021

MKK BASS SESSIONS #10 - Baixistas do Rock Progressivo



HOJE INÉDITO às 22:00 HORAS "MKK BASS SESSIONS" aqui pela sua "MkkWeb Rádio". 

Neste programa teremos um especial com baixistas do Rock Progressivo. Falaremos de baixistas nacionais e internacionais que construíram a linguagem deste importante estilo musical.

Mesclamos baixistas clássicos e novos para montar um super especial para conhecer o Rock Progressivo.

Neste programa temos Chris Squire, Pedro Aznar, Sergio Magrão, Willy Verdaguer, @Gabriel Costa, Fabio Ferreira e muito mais.

Chega de Bunda Music - Baixe nossos Apps Grátis pelo Google Play Store (Android) ou App Store (IOS) - WhatsApp 9 82916790!

Conecte-se www.mkkwebradio.com.br

#bass #BAIXO #contrabaixo #equipamentos #musica #bassmusic #estudosepesquisasfemtavares #fernandotavaresbaixo #femtavaresbaixo #aulasdebaixo #aulasdecontrabaixo #aulasdemusica #aulasdeharmonia #clasesdecontrabajo #clasesdebajo #basslesson #contrabaixo #contrabajo #bassguitar #baixista #bajista #bassplayer #medusatrio #apostrophetrio #usp #escutenossocabo #cabosdatalink #giannini_brasil #giannini_strings #edifierbrasil #monitoresedifier #mkkbasssessions #mkkwebradio #usp #lamus

sábado, 17 de abril de 2021

Aulas de Contrabaixo, Música e Harmonia com Fernando Tavares!

Fernando Tavares é:

  • Formado em Licenciatura em Música
  • Especialista em Docência no Ensino a Distância pela UFSCar
  • Mestrando em Musicologia - ECA-USP

  • Trabalha como pesquisador no LAMUS - USP Leste e no CEMUPE - UFAL
  • Aulas presenciais em Pinheiros (próximo aos metrôs Clínicas e Oscar Freire (seguindo os protocolos de saúde).
  • Aulas On-line (Via Skype, Facebook e/ou Google Meet)!

  • Materiais de estudo para vários estilos e sobre diversos tópicos.
  • Aulas personalizadas e focadas na necessidade e no estilo de cada aluno.

  • Contrabaixista das bandas:
    • Apostrophe' Trio
    • Medusa Trio

  • Maiores informações na página: http://femtavares.blogspot.com.br/p/aulas.html
  • Contato pelo e-mail femtavares@gmail.com

  • Fernando Tavares usa Cordas Giannini, Cabos Datalink e Monitores e Fones Edifier!

  • Veja um pouco das aulas nesta playlist do youtube:
  • Abraços e bons estudos!

terça-feira, 13 de abril de 2021

Transcrição do Mês: Duran Duran - Rio

  

Olá Pessoal!


Nesta semana temos a transcrição da linha de contrabaixo da música "Rio" da banda Duran Duran disponível gratuitamente no meu site. Esta música conta com o baixista John Taylor.

Link para Transcrição Completa - Clique aqui

https://www.dropbox.com/s/smddv60orzo9tn3/Duran%20Duran%20-%20Rio.pdf?dl=0


Esta transcrição faz parte de um acervo com mais de 1000 tablaturas/partituras que são usadas como material de apoio nas aulas do meu curso de contrabaixo presencial e on-line.


Para maiores informações sobre o curso entre em contato pelo e-mail: femtavares@gmail.com


Bons estudos e até a próxima coluna!


MKK BASS SESSIONS #09 - Fernando Savaglia


HOJE INÉDITO às 22:00 HORAS "MKK BASS SESSIONS" aqui pela sua "MkkWeb Rádio". Neste programa teremos uma entrevista com um dos maiores pesquisadores da Black Music, Fernando Savaglia, que contará detalhes da sua carreira e dos baixistas da Black Music, nos contará detalhes para poder conhecer e aprender a tocar as músicas neste estilo, além de detalhes técnicos e claro, muita música. 

Baixe nossos Apps Grátis pelo Google Play Store (Android) ou App Store (IOS) - WhatsApp 9 82916790!

Conecte-se www.mkkwebradio.com.br


#bass #BAIXO #contrabaixo #equipamentos #musica #bassmusic #estudosepesquisasfemtavares #fernandotavaresbaixo #femtavaresbaixo #aulasdebaixo #aulasdecontrabaixo #aulasdemusica #aulasdeharmonia #clasesdecontrabajo #clasesdebajo #basslesson #contrabaixo #contrabajo #bassguitar #baixista #bajista #bassplayer #medusatrio #apostrophetrio #usp #escutenossocabo #cabosdatalink #giannini_brasil #giannini_strings #edifierbrasil #monitoresedifier #mkkbasssessions #mkkwebradio #usp #lamus

quinta-feira, 8 de abril de 2021

Baixista do mês - Marcus Miller



Olá pessoal!

Na coluna "Baixista do Mês" apresentamos o sensacional Marcus Miller.

Nome: Marcus Miller


Nascimento: 14 de junho de 1959 em New York

Bandas: Solo, Miles Davis, David Sanborn, etc.

Discografia: 
-Solo
1983 - Suddenly
1984 - Marcus Miller
1987 - Music from Siesta
1993 - The Sun Don't Lie
1994 - Tales
1998 - Live & More
2000 - Best Of '82-'96
2001 - M2
2002 - the Ozell Tapes: The Official Bootleg
2004 - Dreyfus Night in Paris
2005 - Silver Rain
2007 - Free
2008 - Marcus - In Stores in the U.S. March 4TH!
2008 - Panther
2008 - Thunder
2011 - A Night in Monte Carlo
2012 - Renaissance
2015 - Afrodeezia
2017 - Marshall [Original Motion Picture Soundtrack] 
2018 - Laid Black

-Bee Gees 
1987 - E.S.P.

-David Sanborn
1977 - Lovesongs
1979 - Hideaway
 1980 - Voyeur
 1981 - dyas of the week
 1982 - Backstreet
 1984 - Straight To The Heart
 1987 - Change Of Heart
 1988 - Close-Up
 1991 - Another Hand
 1992 - Upfront
 1994 - Hearsay
 1995 - Pearls
 1996 - Songs From The Night Before
 1999 - Inside

-Miles Davis 
 1981 - Man With The Horn
 1981 - We Want Miles
 1982 - Star People
 1986 - Tutu
 1987 - Music From Sioesta
 1989 - Amandla

-The Jamaica Boys
 1987 - Self-Titled
 1989 - J. Boys

Video Link: 

 

Website: www.marcusmiller.com

Spotify:




Abraços e até a próxima coluna!

terça-feira, 6 de abril de 2021

Teoria e Análise – Estudos de Jazz – PARTE 4


Olá pessoal!

Nesta semana estamos de volta para falar e propor novos estudos com as músicas presentes no “Real Book”. Esta matéria foi escrita originalmente para a edição #44 da revista Bass Player Brasil. Na aula anterior mostrei um estudo de tríades sobre a harmonia da música Autumn Leaves.

Nesta aula eu vou propor um estudo de arpejos de tétrades que pode ser aplicado sobre qualquer canção presente no Real Book. 


Figura 1: Autumn Leaves - Estudo de Tétrades 



Vale ressaltar que os exercícios aqui presentes não são relacionados as linhas de contrabaixo tocadas nas músicas, estes exercícios servirão para solidificar o seu conhecimento harmônico, resultando em um conhecimento maior sobre o que as cifras tem para nos dizer.

Estudem com calma e tente subir o andamento, mas nunca perca o suingue. Transporte também para o tom de Gm, esta tonalidade existe no “New Real Book 1” e por fim, não esqueça de tocar em outras regiões do braço. Bons estudos!

MKK BASS SESSIONS #08 - Baixistas Cantores

HOJE INÉDITO às 22:00 HORAS "MKK BASS SESSIONS" aqui pela sua "MkkWeb Rádio". Neste programa teremos um especial com baixistas cantores. Contaremos detalhes de suas carreiras, seus equipamentos, detalhes técnicos e claro, com muita música de baixistas brasileiros e internacionais.  

No programa desta semana temos os baixistas brasileiros Arnaldo Brandão, Alice da banda Indiscipline, Rodrigo Santos, Pit Passarell e Pedro Baldanza. Além de Geddy Lee do Rush, Rick James, Suzy Quatro e John Wetton. 

* Reprises Domingos 20:00 horas.

Chega de Bunda Music - Baixe nossos Apps Grátis pelo Google Play Store (Android) ou App Store (IOS) - WhatsApp 9 82916790!

Conecte-se www.mkkwebradio.com.br

#bass #BAIXO #contrabaixo #equipamentos #musica #bassmusic #estudosepesquisasfemtavares #fernandotavaresbaixo #femtavaresbaixo #aulasdebaixo #aulasdecontrabaixo #aulasdemusica #aulasdeharmonia #clasesdecontrabajo #clasesdebajo #basslesson #contrabaixo #contrabajo #bassguitar #baixista #bajista #bassplayer #medusatrio #apostrophetrio #usp #escutenossocabo #cabosdatalink #giannini_brasil #giannini_strings #edifierbrasil #monitoresedifier #mkkbasssessions #mkkwebradio #usp #lamus