quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Genesis - Foxtrot

Genesis - Foxtrot


Este trecho corresponde à base de voz (2’19”), e é executado sobre a fórmula de compasso 6/4. O interessante neste compasso é que ele não é dividido em dois tempos fortes a cada três tempos como normalmente é feita a contagem nestes compassos e sim em um compasso de quatro mais um de dois tempos. Cuidado com a parte rítmica que deve ser feita com algumas notas em staccato. A frase foi construída com a quinta e a oitava do acorde.


Esta parte ocorre por volta de 1’04” e corresponde a base do refrão da musica. Usou a escala de Dó menor dórico nos dois primeiros compassos e a escala Pentatonica de Si bemol para o terceiro compasso. No quarto compasso são tocadas as tônicas de cada acorde no contratempo.


Esta base corresponde ao solo de piano que acontece durante o interlúdio da musica (1’43”), e o baixo faz um pequeno solo neste trecho. No primeiro e no terceiro compassos o baixista trabalhou sobre a tríade do acorde. No segundo e no quarto compassos a frase foi construída sobre a pentatônica de Mi Maior. O Quinto compasso foi feito sobre a Pentatônica de Ré Maior e o Sexto sobre a escala menor de Si.


Esta frase corresponde à introdução da musica. Nos três primeiros compassos foi usada somente a Tonica do acorde e a partir do quarto compasso o baixista usa a escala de Lá maior para construir a frase. Nos compassos 6, 7 e 8 o baixista utilizou a Tonica do acorde e a partir do 9º compasso à escala de Fá# menor.


Este trecho corresponde à base de voz da musica e é repetido varias vezes durante a música, ele foi construído sobre a pentatônica de Lá menor, e utiliza a célula rítmica de tercina como base.


Durante a maior parte desta musica o baixista toca violão e os baixos são feitos através do pedal moog, então em grande arte da musica o baixista utiliza apenas a Tonica do acorde. Na sexta parte da musica chamada “Apocalipse in 9/8” a frase principal para a base da voz e para o solo de teclado é feito sobre a fórmula de compasso citada no titulo do trecho (9/8). Neste trecho (16’15”) a maior dificuldade apresentada esta na parte rítmica, já que a frase tem uma rítmica bastante incomum.

Abraços e até a próxima coluna!